Satanismo cresce no Reino Unido sob argumento de ser a religião do “eu”

  • 23/01/2023
Satanismo cresce no Reino Unido sob argumento de ser a religião do “eu”
Satanismo cresce no Reino Unido sob argumento de ser a religião do “eu” (Foto: Reprodução)

No passado, a palavra “satanismo” era associada a imagens de rituais ocultos, juramentos de sangue, perversões sexuais, sacrifícios e adoração ao diabo. No entanto, hoje em dia, o que se observa do satanismo moderno não é tão parecido com as práticas tradicionais.

Os jovens estão sendo atraídos por uma máscara que maquia a realidade e os envolve, fazendo-os defender causas como a identidade de gênero e diversidade sexual.

A juventude está banalizando os princípios cristãos, que segundo eles é “desatualizado”, “conservador” e "dogmático". Com isso, o satanismo se apresenta como uma liberdade dos dogmas religiosos, sendo esses fatores responsáveis pela evolução da nova era, que segue em direção a auto-identificação e auto-realização.

Segundo o jornal britânico The Telegraph, a  Ordem Global de Satanás do Reino Unido, afirmou que o aumento no número de membros da organização nos últimos anos foi de 200%.

Enquanto as igrejas no Reino Unido tentam atrair os jovens, o debate contínuo da sociedade sobre identidade de gênero, sexualidade e casamento gay causam divisão na maior igreja cristã do país, a Igreja da Inglaterra, assim como em outras igrejas em diversos lugares no mundo.  

De acordo com a CBN News, a Igreja da Inglaterra gerou conflito entre os membros por realizar mudanças doutrinárias que supostamente salientam a comunidade LGBTQ e a moralidade sexual, invés de ensinamentos bíblicos.

Cultura do EU

Linda Woodhead, professora e chefe do departamento de teologia e estudos religiosos do King’s College London, informou que o satanismo “é uma religião para jovens”, mas que “o maior fenômeno que estamos vendo é a incrível diversificação da paisagem religiosa e espiritual”. 

“Agora há muita exploração solitária, principalmente com a internet, e você pode encontrar qualquer coisa que se identifique com a sua personalidade, interesses, valores ou crenças particulares”, completou a professora.

A sociedade tem demonstrado acreditar que cada indivíduo é responsável por encontrar seu próprio código moral, ou seja, a satisfação em primeiro lugar e assim desenvolvem-se como “deuses”. 

O capelão Leopold, de 32 anos, disse ao The Telegraph que os rituais continuam acontecendo e é o que o seu grupo de amigos faz para se divertir. 

(Foto: Reprodução)
(Foto: Unsplash/Denny Muller)

Eles se reúnem na floresta a luz de velas como se fosse uma forma de união comunitária e meditação, para dar às pessoas tempo de desenvolver sua própria visão pessoal de si mesmo como Satanás.

“Na maioria das vezes, você não reconheceria um satanista se passasse por ele na rua”, afirmou ele.

Aumento na quantidade de membros 

A CBN News informou que nos últimos anos, o Templo Satânico (TST), fundado em 2013, cresceu em número nos EUA e em todo mundo.

“São 21.996 membros no Reino Unido e cerca de um milhão de seguidores no mundo”, afirmou Malcolm Jarry, cofundador do TST. 

Eles se descrevem como uma “organização religiosa não teísta” que defende o secularismo. Na seção de perguntas frequentes do site, a instituição declarou não acreditar na existência de Satanás ou de qualquer ser sobrenatural.

A segunda conferência realizada pelo TST já está sendo divulgada como a “maior reunião satânica da história”. A então denominada “SatanCon 2023” promete ser “um fim de semana de blasfêmia e lembrança em Boston”, Massachusetts (EUA), nos dias 28 a 30 de abril. 

Um ministério cristão chamado Intercessors for America (IFA), (tradução livre: Intercessores para América), respondeu ao anúncio da segunda convenção do grupo satânico.

“Nossas orações farão a diferença mais uma vez. Vamos orar e jejuar para que esses esforços realmente deem certo e, em vez disso, encorajem e capacitem a Igreja. Eles prometem um fim de semana de ‘blasfêmia e lembrança em Boston’, vamos orar por um fim de semana de santidade e busca de Deus”, disse o IFA.

“Este não é um grupo de defesa neutro, intelectual e peculiar. É um adversário da fé cristã e de seu livre exercício em espaços públicos, de proteção à vida e do avanço no ensino da palavra nas escolas públicas. Esses rituais, práticas, declarações e crenças são a porta de entrada para permitir pontos de apoio satânicos na vida das pessoas. Cartas de tarô, bonecos de vodu e feitiços parecem inofensivos para muitos, mas sabemos que existe um poder satânico real por trás dessas atividades, e este poder irá envolver qualquer um que participe de tais ações”, concluiu o IFA.

FONTE: http://guiame.com.br/gospel/noticias/satanismo-cresce-no-reino-unido-sob-argumento-de-ser-religiao-do-eu.html


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

Para Pedido de Oração ou Louvores entre em contato conosco 75 8809-3871 Diretor Bispo Valdir Silva

Top 10

top1
1. Senhor Antônimo

Aline Barros

top2
2. O bom Samaritano

Anderson Freiri

top3
3. Profetizo

Regis Danese

top4
4. Fica Tranquilo

Antonia Gomes

top5
5. Um novo Vencedor

Damares

top6
6. Deus e eu

Leandro Borges

top7
7. Penielr

Fernanda Brum

top8
8. Até aqui eu cheguei

Voz da Verdade

top9
9.

Midian Lima

top10
10. Deus é Deus

Delino Marçal


Anunciantes